terça-feira, 16 de agosto de 2016

O CANTOR MAIS PREMIADO

COM O TROFÉU IMPRENSA

Pela passagem do 35.º aniversário do SBT / Raimundo Colares Ribeiro



Ao longo desses 35 anos de existência, comemorados em 19 de agosto de 2016, o Sistema Brasileiro de Televisão – SBT já realizou 34 edições do TROFÉU IMPRENSA, gravadas e transmitidas diretamente dos seus estúdios, em São Paulo (SP), sob o comando de Silvio Santos, o maior comunicador brasileiro.

Criado, em 1958, pelo jornalista Plácido Manaia Nunes, diretor da Revista São Paulo na TV, o TROFÉU IMPRENSA tem por objetivo maior premiar, anualmente, os maiores destaques da música e televisão brasileira. Sua primeira edição data de 1960, quando jornalistas dos principais veículos de comunicação da cidade se reuniram, no Sindicato dos Jornalistas do Estado de São Paulo, e elegeram, por meio de votação, os primeiros vencedores do prêmio, divulgados, posteriormente, nos jornais da época.

Em 1970, o jornalista Plácido Manaia Nunes cedeu os direitos do TROFÉU IMPRENSA ao empresário e apresentador Silvio Santos, que deu novo formato à premiação, instituindo, inclusive, o prêmio em formato de estatueta, similar ao Oscar, oferecido, anualmente, pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, que tem notabilizado a excelência de profissionais da indústria cinematográfica mundial.

Silvio Santos em versão do Troféu Imprensa
Imagem/crédito: www.youtube.com


Categoria extremamente concorrida, com votação acompanhada com grande interesse pelo público em geral, a MÚSICA é, geralmente, contemplada com as modalidades “Melhor Cantor”, “Melhor Cantora” e “Melhor Música”. Em algumas edições foram também escolhidos o “Melhor Conjunto Musical”, o “Melhor Cantor, Cantora ou Dupla Sertaneja” e a “Melhor Música Sertaneja”.

A partir de 1982, ano em que o SBT começou a executar e transmitir o certame, até a edição mais recente, produzida neste ano de 2016, os premiados na modalidade “Melhor Cantor” estão na relação a seguir: Roberto Carlos, Ney Matogrosso, Djavan, Ritchie, Tim Maia, Cazuza, Beto Barbosa, José Augusto, Caetano Veloso, Gabriel – o Pensador, Jorge Aragão, Zeca Pagodinho, Seu Jorge, Daniel, Gustavo Lima e Luan Santana. Alguns deles distinguidos com mais de uma estatueta.

Em escolhas anteriores a de 1982, a láurea coube aos cantores Francisco Egydio, Silvio Caldas, Pery Ribeiro, Moacir Franco, Jair Rodrigues, Agnaldo Rayol, Wilson Simonal, Altemar Dutra, Chico Buarque, Gilberto Gil, Benito di Paula, Milton Nascimento e Roberto Carlos.

Vencedor em mais de duas dezenas de edições do TROFÉU IMPRENSA, o “rei” Roberto Carlos, na condição de “Melhor Cantor”, reinou absoluto nos anos de 1971, 1973, 1974, 1977, 1981, 1982, 1985, 1987, 1988, 1992, 1993, 1994, 1995, 1996, 1997, 1999, 2002, 2010, 2011, 2012, 2013 e 2014. Do mesmo modo, agora como intérprete da “Melhor Música”, recebeu a premiação em 1972 (Amada amante), 1973 (Por amor), 1974 (O show já terminou), 1975 (Proposta) e 2013 (Esse cara sou eu). Sem hesitação, todas as músicas destacaram-se como composições de grande sucesso, chegando ao topo das mais conceituadas paradas musicais.


Silvio Santos e Roberto Carlos
Imagem/crédito: www.sbtpedia.com.br


Atualmente, o TROFÉU IMPRENSA é reconhecido como o mais antigo, cobiçado e mais importante prêmio da televisão brasileira.

PARABÉNS, SBT!!!



Nenhum comentário:

Postar um comentário